A GUERRA DE INDEPENDÊNCIA EM SALTA E A EMERGÊNCIA DE NOVAS RELAÇÕES DE PODER

Sara Mata de López

Resumo


Nas guerras de independência americana, a experiência saltenha reúne conotações particulares, que validam o estudo de caso para interpretar a complexidade dos movimentos sociais e de construção de novas formas de poder político que desembocaram nas lutas anticoloniais. Neste trabalho, nos propomos a analisar, embora de maneira preliminar, as relações e práticas de poder que foram tecidas no contexto da mobilização rural e da guerra de independência, colocando a ação de Martín Miguel de Güemes, e sua liderança política e militar, como foco de interesse. Interessa-nos, em particular, explicitar as condições objetivas sobre as quais operaram as estratégias utilizadas na construção de um novo clientelismo político e a articulação da insurgência social no discurso revolucionário e independentista.

 

Palavras-chave: Salta, guerra de independência, insurgência, poder, Güemes.


Texto completo:

PDF


 

O periódico está cadastrado no Diadorim - Diretório de Políticas Editoriais das Revistas Científicas Brasileiras, no Portal de Periódicos da ANPOCS - Associação Nacional de Pesquisa e Pós-Graduação em Ciências Sociais, no indexador internacional Journals For Free, no Livre e no Sumários.org.

       




CSOnline - Revista Eletrônica de Ciências Sociais da UFJF - ISSN 1981-2140 -